Psicóloga Sílvia Regina Simões

Psicóloga em Jundiaí – Psicoterapia clínica infantil, adulto e terapeuta de casal


Deixe um comentário

Dia Internacional da Mulher 2017 – Vídeo

VÍDEO LEGENDADO:
https://www.facebook.com/plugins/video.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2Fmotivacao.tv%2Fvideos%2F1579587435403495%2F&show_text=0&width=400

Que nossa comemoração seja persistir na luta por ensinar o que sabemos de melhor: amar É isso que nós, mulheres, desejamos: amar e sermos amadas.

Amar alguém é uma decisão, um aprendizado, uma escolha. É pautar seu comportamento com o objetivo de permitir a existência do outro. Não possuir, não subjugar, não destruir: existir. Respeitar o outro, dar a ele a consideração devida as suas necessidades e sentimentos.

Ainda hoje os salários das mulheres são menores, mesmo exercendo a mesma função, sob as mesmas exigências masculinas. Somos menos contratadas, pois engravidamos. A responsabilidade da contracepção recai quase toda sobre nós, em forma de cargas de hormônios sintéticos ou aparelhos que irritam diariamente as paredes do nosso útero para evitar a gravidez. Se escorregarmos na contracepção, aos homens há uma tímida punição quase inteiramente social em não assumir a paternidade. Mulheres que não assumem a maternidade só o podem fazer por meios ilegais e quase sempre letais. Além disso, para alimentar inclusive os homens que parimos, devemos nos privar do convívio público, nos escondendo para não ofender ninguém e infringir a lei! 

Nós, mulheres, queremos que nada disso altere o valor de nossa vida, que ela valha tanto quanto a vida de qualquer outro ser humano, independentemente daquilo que nos caracteriza mulheres. Queremos ser aceitas e respeitadas.

Não esperemos, não torçamos, não forcemos, mas ensinemos!

Um grande abraço a todas as mulheres e aos frutos delas.

Anúncios


Deixe um comentário

Feliz dia da mulher (que luta)!

Hoje é um dia especial para lembrarmos daquelas que deram suas vidas por igualdade e respeito às mulheres nas fábricas de tecido há mais de um século e meio! Foi o marco inicial de uma luta que está longe de chegar ao fim, mas que constitui vitória em cada migalha de respeito e direitos defendidos e vivenciados por cada mulher do mundo.

12821405_1115682451786478_8946541510391235161_n

Que estejamos atentas a toda forma de desrespeito, muitas vezes naturalizada como elogio, como sensualidade, como oportunidade, como particularidade.

Acompanhe a evolução da legislação brasileira sobre o direito da mulher. A mudança é lenta, mas real. E ainda há muito o que ser feito:

12803057_1291271424222043_7779393912215138470_n.png

Avante na batalha e parabéns a todas as mulheres que enfrentam os desafios do dia a dia com extrema dignidade.

Um forte abraço*


Deixe um comentário

Violência de gênero – 10 sinais de abuso contra a mulher

A violência de gênero, infelizmente, é naturalizada por uma história de submissão e privação de direitos e voz das mulheres no mundo. Hoje, mais do que nunca, as mulheres têm poder e amparo para denunciar e dizer NÃO à violência que dilacera sua individualidade, que enfraquece sua atuação, que limita suas possibilidades.

A seguir, veja 10 sinais de abuso contra a mulher e os principais tipos de violência de gênero praticados por nossos pais, irmãos e companheiros no dia a dia:

11046777_861610510579605_8992399559393940951_n

1. Ele está sempre querendo saber o que você está fazendo.
2. Ele isola você do seu grupo, falando mal das suas amigas.
3. Cria uma barreira entre você e sua família.
4. É muito charmoso com todas as pessoas.
5. Monitora suas redes sociais e pede a senha de acesso.
6. Quis fazer o rolo se transformar em um relacionamento muito rápido.
7. Mostra o desejo de controlar suas finanças.
8. Vive criticando sua aparência.
9. Ele contraria suas opiniões rapidamente – ou, pior, chama você de burra.

Procure ajuda psicológica, busque a assistência social da sua empresa, da sua cidade. Vá à delegacia da mulher da sua cidade. Não sofra calada, há leis e recursos públicos, leis, programas e tecnicas científicas para lhe amparar!


Deixe um comentário

A mulher perfeita em nossos tempos (vídeo) e o dia do idoso

Olá a todos!

Muitas mulheres chegam ao consultório exauridas pela exigência de serem mulheres perfeitas, como mães, esposas, funcionárias, amigas. E o mais grave é que a exigência parte delas mesmas!

Dessa regra auto imposta, nascem estresse, ansiedade, frustração, baixa autoestima e desespero.

Hoje, dia 27 de setembro, é o “Dia do Idoso”. Nesse vídeo que gostaria de mostrar, mulheres mais maduras e experientes falam sobre a exigência de ser uma mulher perfeita, do ponto de vista de quem já viveu o suficiente para compreender o que vale a pena.

“SÁBIO É QUEM APRENDE COM SEUS ERROS

E INTELIGENTE QUEM APRENDE OBSERVANDO

OS ERROS DOS OUTROS”

Na minha experiência em Psicologia Social, aprendi muito e sempre digo que, convivendo com idosos, amadureci meu olhar sobre a vida e junto dos adolescentes, aprendi a oferecer amor e lealdade com total entrega.

Hoje compartilho um pouco da sabedoria dos idosos com as mulheres que, mais do que perfeitas, desejam ser felizes!

Uma ótima semana a todos!