Psicóloga Sílvia Regina Simões

Psicóloga em Jundiaí – Psicoterapia clínica infantil, adulto e terapeuta de casal

18 formas de desenhar para recuperar foco e equilíbrio

Deixe um comentário

preview-650x390-650-1446837242

No dia a dia, a nossa fala ou a escrita parecem os principais – senão os únicos – meios de nos expressar e ligar nossa capacidade de pensar e resolver problemas ao mundo. Mas, pensando assim, estamos excluindo uma habilidade chamada pensamento visual, muito mais ampla que a escrita ou a fala e ignorando capacidades incríveis de interagir com a porção inconsciente de nosso cérebro.

A terapeuta Victoria Nazarevich propôs 23 exercícios de desenho para recuperar o foco e auxiliar no equilíbrio das nossas emoções, através da integração de hemisférios e estimulação de habilidades múltiplas do cérebro. Abaixo, listo 18 delas:

  1. Se você está cansado, desenhe flores.
  2. Se está bravo, desenhe linhas.
  3. Se alguma coisa está doendo, comece a esculpir (use massinha de modelar!).
  4. Se você está entediado, comece a colorir uma folha de papel.
  5. Se está triste, pinte um arco-íris.
  6. Se você tem medo, aprenda a fazer o ponto macramê.
  7. Se está angustiado, faça uma boneca de pano.
  8. Se está indignado, rasgue uma folha de papel em pedacinhos.
  9. Se está preocupado, comece a fazer origami.
  10. Se está tenso, desenhe padrões diferentes.
  11. Se você precisa lembrar alguma coisa, desenhe labirintos.
  12. Se está decepcionado, faça uma réplica de uma pintura.
  13. Se está desesperado, desenhe caminhos.
  14. Se você precisa entender alguma coisa, desenhe mandalas.
  15. Se você precisa renovar as energias, desenhe paisagens.
  16. Se você precisa organizar os seus pensamentos, desenhe células ou quadrados.
  17. Se você quer se concentrar nos seus pensamentos, desenhe com pontos.
  18. Para encontrar a melhor solução para uma situação, desenhe ondas e círculos.

A fonte é o próprio site da terapeuta e a tradução e divulgação em lingua portuguesa é site Incrível.Club: Lá você pode conferir mais algumas dicas, a íntegra do artigo original.

Mãos à obra!

Forte abraço*

Anúncios

Autor: Sílvia Regina Simões

Psicóloga clínica em Jundiaí, atendo na abordagem analítico comportamental, psicoterapia individual de crianças e adultos e psicoterapia de casal. Formada em Psicologia pelo Centro Universitário Anchieta, de Jundiaí, SP, atuei como pesquisadora bolsista do CNPq estudando o tema “motivação”. Vinda da área de Comunicação Social – Jornalismo, pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, carrego ampla bagagem conhecimentos em Ciências Humanas e experiência com diversificados públicos e contextos. Atuo no atendimento do convênio Bradesco e psicoterapia particular em meu próprio consultório, no Centro de Jundiaí, SP. Agende sua sessão: (11) 9 9615 8632 - s.silvia.psicologa@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s